Atração por Pessoas do Mesmo Sexo

Atração por Pessoas do Mesmo Sexo

Tópico

Falando sobre a atração por pessoas do mesmo sexo

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias reconhece que a atração por pessoas do mesmo sexo é um assunto delicado que requer bondade, compaixão e compreensão. O site mormonsandgays.com busca tratar, por meio de entrevistas e vídeos de líderes e membros da Igreja, o assunto sobre atração por pessoas do mesmo sexo e como isso se relaciona às pessoas e aos membros da família envolvidos. As declarações e histórias enfatizam a importância do mandamento de Cristo de amarmos uns aos outros e reafirmam a posição da Igreja.

A posição doutrinária da Igreja é clara: a atividade sexual deve ocorrer apenas entre um homem e uma mulher casados. Contudo, isso jamais deve ser usado como justificativa para atos rudes. Jesus Cristo, a quem seguimos, foi claro em Sua condenação à imoralidade sexual, mas nunca cruel. Seu interesse sempre foi o de elevar a pessoa, e nunca o de humilhá-la.[i]

Em resumo, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias afirma a centralização das doutrinas relativas à sexualidade e ao gênero humano, bem como a santidade e o significado do casamento como a união de um homem e uma mulher.[ii] Entretanto, a Igreja acredita firmemente que todas as pessoas são filhos igualmente amados de Deus e merecem ser tratadas com amor e respeito. Um apóstolo da Igreja, Élder Quentin L. Cook, declarou: “Como membros da igreja, ninguém deveria ser mais amoroso e compassivo. Sejamos os primeiros a usar termos que expressem amor, compaixão e cordialidade. Que nossas famílias não excluam nem desrespeitem os que escolheram um estilo de vida diferente devido a sentimentos que têm em relação a pessoas do mesmo sexo”.[iii]

A Divina Instituição do Casamento

A Igreja diferencia o comportamento do sentimento de atração por pessoas do mesmo sexo. Apesar de não ser pecado ter sentimentos e inclinações por pessoas do mesmo sexo, envolver-se em um comportamento homossexual conflita com o “princípio doutrinário, fundamentado na escritura sagrada (…) de que o casamento entre um homem e uma mulher é essencial ao plano do Criador para o destino eterno de Seus filhos”.[iv]

Porque a Igreja acredita que os poderes sagrados da procriação devem “ser exercidos apenas entre um homem e uma mulher legal e legitimamente casados como marido e mulher, (…) quaisquer outras relações sexuais, incluindo as com pessoas do mesmo sexo, comprometem a família, essa instituição divinamente criada”. Assim, a Igreja apoia medidas que definam o casamento como a união de um homem e uma mulher. No entanto, “proteger o casamento entre um homem e uma mulher não remove as obrigações cristãs de amor, bondade e humanidade dos membros da Igreja para com todas as pessoas”.[v]

Direitos Individuais

A afirmação da Igreja de que o casamento deve ser entre um homem e uma mulher “não constitui nem tolera qualquer tipo de hostilidade contra gays e lésbicas”.[vi] Ao contrário, muitos líderes da Igreja têm falado claramente sobre o amor e o respeito que deve ser demonstrado por todas as pessoas. O Presidente anterior da Igreja, Gordon B. Hinckley (1910-2008), disse aos membros que têm atração por pessoas do mesmo sexo: “Nosso coração se volta para [vocês]. Lembramo-nos de vocês perante o Senhor, nós os compreendemos e respeitamos como nossos irmãos e nossas irmãs”. O Presidente Boyd K. Packer afirmou: “Nós não os rejeitamos. (…) Nós não podemos rejeitá-los. (…) Nós não vamos rejeitá-los, porque amamos vocês”.

A Igreja defende os direitos dos casais homossexuais relativos à “hospitalização e aos cuidados médicos, aos direitos de moradia e emprego, ou direitos de sucessão, desde que esses não prejudiquem a integridade da família tradicional ou os direitos constitucionais das igrejas”.[vii] Em Salt Lake City, por exemplo, a Igreja apoiou regulamentos para proteção de residentes gays da discriminação com respeito à moradia e ao emprego. [viii]

Evangelho de amor

O evangelho de Jesus Cristo baseia-se no amor, respeito e arbítrio. Os mórmons acreditam que todos os seres humanos herdaram forças, fraquezas, desafios e bênçãos e são convidados a viver, por meio da ajuda e graça de Deus, os princípios revelados por Jesus Cristo. A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias declara que “o amor e a paternidade universal de Deus atribuem a cada um de nós um reconhecimento inato e reverente de nossa dignidade humana compartilhada. Somos ordenados a amar uns aos outros. Devemos tratar uns aos outros com respeito, como irmãos e irmãs que são filhos de Deus, não importando o quanto sejamos diferentes uns dos outros”.[ix]

Recursos

  • Uma coletânea de conversas com líderes da Igreja e outras pessoas sobre o assunto da atração por pessoas do mesmo sexo.
  • Entrevista com o Élder Dallin H. Oaks e o Élder Lance B. Wickman sobre a posição da Igreja com respeito à atração por pessoas do mesmo sexo e o casamento.
  • A resposta oficial da Igreja a uma petição emitida pelo Human Rights Campaign.
  • A Divina Instituição do Casamento: um documento produzido pela Igreja promove a compreensão sobre a importância do casamento.
  • A Família: Proclamação ao Mundo. Essa proclamação, publicada pela Primeira Presidência e o Quórum dos Doze Apóstolos, em 1995, enfatiza a importância da família.
  • Casamento Entre Pessoas do Mesmo Sexo e Proposta 8: uma compilação de recursos para ajudar a imprensa, o público e os membros da Igreja a entender melhor o apoio da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias à Proposta 8.
  • Deus Ama Seus Filhos: manual produzido pela Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias dirigido àqueles que sentem atração por pessoas do mesmo sexo.

 


[i] http://www.mormonnewsroom.org/article/church-mormon-responds-to-human-rights-campaign-petition-same-sex-attraction

[ii] Citação do Élder Christofferson, em “Love One Another: [Amai-vos Uns aos Outros]: A Discussion on Same-Sex Attraction [Uma Conversa sobre Atração por Pessoas do Mesmo Sexo]”, mormonsandgays.com

[iii]Citação do Élder Cook, em “Love One Another: [Amai-vos Uns aos Outros]: A Discussion on Same-Sex Attraction [Uma Conversa sobre Atração por Pessoas do Mesmo Sexo]”, mormonsandgays.com

[iv] “First Presidency Statement on Same-Gender Marriage” [“Declaração da Primeira Presidência sobre Casamento entre Pessoas do Mesmo Sexo”]. http://www.mormonnewsroom.org/article/first-presidency-statement-on-same-gender-marriage

[v] http://www.mormonnewsroom.org/article/the-divine-institution-of-marriage

[vi] Sala de Imprensa Mórmon: “Church Responds to Same-Sex Votes,” [A Igreja Responde à Votação sobre Casamento entre Pessoas do Mesmo Sexo], http://www.mormonnewsroom.org/article/church-responds-to-same-sex-marriage-votes

[vii] http://www.mormonnewsroom.org/article/church-responds-to-same-sex-marriage-votes

[viii] http://www.mormonnewsroom.org/article/the-divine-institution-of-marriage

[ix] http://www.mormonnewsroom.org/article/church-mormon-responds-to-human-rights-campaign-petition-same-sex-attraction

Observação de Guia de Estilo:Em reportagens ou notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, por favor utilize o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome da Igreja, procure on-line pelo nosso Guia de Estilo.